Frases.Tube

Aniversário Ex Namorado

Aprendi que se aprende errando
Que crescer não significa fazer aniversário
Que o silêncio é a melhor resposta, quando se ouve uma bobagem
Que trabalhar significa não só ganhar dinheiro
Que amigos a gente conquista mostrando o que somos
Que os verdadeiros amigos sempre ficam com você até o fim
Que a maldade se esconde atrás de uma bela face
Que não se espera a felicidade chegar, mas se procura por ela
Que quando penso saber de tudo ainda não aprendi nada
Que a Natureza é a coisa mais bela na Vida
Que amar significa se dar por inteiro
Que um só dia pode ser mais importante que muitos anos
Que se pode conversar com estrelas
Que se pode confessar com a Lua
Que se pode viajar além do infinito
Que ouvir uma palavra de carinho faz bem à saúde
Que dar um carinho também faz
Que sonhar é preciso
Que se deve ser criança a vida toda
Que nosso ser é livre
Que Deus não proíbe nada em nome do amor
Que o julgamento alheio não é importante
Que o que realmente importa é a Paz Interior
E finalmente, aprendi que não se pode morrer, prá se aprender a viver
Eu já tentei esquecer algumas pessoas, Mas descobri que essas sao as mais dificeis de se esquecer
Eu já cai de bicicleta..
Eu já me marquei por um nome..
Eu já servi de consolação..
Eu já brinquei de barbie..
Eu já brinquei de carrinho..
Eu já viajei sozinha..
Eu já chorei ao ver amigos partindo, mais depois descobri que logo chegam novos e que a vida é mesmo um ir e vir sem razão
Eu já cortei meu cabelo mais do q eu queria..
Eu já chorei por um menino..
Eu já ri de de varias pessoas
Eu já viajei com meus amigos..
Eu já abracei com ódio..
Eu já fui estúpida..
Eu já tive cólicas..
Eu já inventei desculpas pra faltar de algum cmpromisso..
Eu já tomei banho de chuva..
Eu já briguei com meus pais .
Eu já prometi e não cumpri..
Eu já chorei por um brinquedo..
Eu já sei o valor do que se perde..
Eu já perdi amigos por bestera..
Eu já me queimei na panela..
Eu já ri pra não chorar..
Eu já me cortei..
Eu já ignorei..
Eu ja me senti ignorada..
Eu já sei o q e é certo e o q nao é ..
Eu já sei que nem sempre eu faço o certo..
Eu já peguei conxinhas na praia..
Eu já durmi chorando..
Eu quase tirei um zero..
Eu já brinquei de ser feliz..
Eu já me fiz de vítima..
Eu já tive gripes de ficar de cama..
Eu já tive momentos secretos..
Eu já rolei na grama..
Eu já comi demais por estar angustiada..
Eu já precisei de atenção..
Eu já condenei sem ter autoridade..
Eu já me chatiei por telefonemas..
Eu já tentei ser o que eu não sou..
Eu ja achei que tudo era pra Sempre..
Mas descobri.. que o "Pra Sempre".. SEMPRE acaba

Aniversário
No tempo em que festejavam o dia dos meus anos,
Eu era feliz e ninguém estava morto.
Na casa antiga, até eu fazer anos era uma tradição de há séculos,
E a alegria de todos, e a minha, estava certa com uma religião qualquer.
No tempo em que festejavam o dia dos meus anos,
Eu tinha a grande saúde de não perceber coisa nenhuma,
De ser inteligente para entre a família,
E de não ter as esperanças que os outros tinham por mim.
Quando vim a ter esperanças, já não sabia ter esperanças.
Quando vim a olhar para a vida, perdera o sentido da vida.
Sim, o que fui de suposto a mim mesmo,
O que fui de coração e parentesco.
O que fui de serões de meia província,
O que fui de amarem me e eu ser menino,
O que fui ai, meu Deus!, o que só hoje sei que fui
A que distância!
(Nem o acho )
O tempo em que festejavam o dia dos meus anos!
O que eu sou hoje é como a umidade no corredor do fim da casa,
Pondo grelado nas paredes
O que eu sou hoje (e a casa dos que me amaram treme através das minhas lágrimas),
O que eu sou hoje é terem vendido a casa,
É terem morrido todos,
É estar eu sobrevivente a mim mesmo como um fósforo frio
No tempo em que festejavam o dia dos meus anos
Que meu amor, como uma pessoa, esse tempo!
Desejo físico da alma de se encontrar ali outra vez,
Por uma viagem metafísica e carnal,
Com uma dualidade de eu para mim
Comer o passado como pão de fome, sem tempo de manteiga nos dentes!
Vejo tudo outra vez com uma nitidez que me cega para o que há aqui
A mesa posta com mais lugares, com melhores desenhos na loiça, com mais copos,
O aparador com muitas coisas doces, frutas, o resto na sombra debaixo do alçado,
As tias velhas, os primos diferentes, e tudo era por minha causa,
No tempo em que festejavam o dia dos meus anos
Pára, meu coração!
Não penses! Deixa o pensar na cabeça!
Ó meu Deus, meu Deus, meu Deus!
Hoje já não faço anos.
Duro.
Somam se me dias.
Serei velho quando o for.
Mais nada.
Raiva de não ter trazido o passado roubado na algibeira!
O tempo em que festejavam o dia dos meus anos!

Feliz aniversário
Uma data de aniversário é uma data engraçada
Nos faz recordar bons e maus momentos já vividos até ali
Nos coloca em contato com pessoas que há muito tempo não falávamos ou víamos
É uma data em que, normalmente, ou por que não dizer, possivelmente, juntamos aqueles que mais admiramos, que gostamos de estar junto, que amamos, ou até mesmo aqueles que apenas conhecemos
E juntos celebramos mais um ano de vida! Um ano de conquistas, vitórias, lutas, sofrimentos, decepções, alegrias
Um ano com um pouco de tudo!
Entretanto
A data de aniversário muitas vezes pode significar mais para aqueles que comemoram do que para o comemorado .
As pessoas que realmente se importam com você, que querem mesmo o seu bem, que não fazem idéia de como sobreviveriam num mundo de terror como este sem você, elas, elas sim celebram de tal maneira que um bolo, uma viagem, uma festa, um presente . Nada disso pode explicar! Muitas vezes elas não conseguem demonstrar a alegria que sentem no coração por ter passado mais um ano com uma pessoa tão maravilhosa, carismática, amiga, sincera, humilde, alegre, necessária
Ao seu lado!
O único que realmente compreende a tamanha alegria dessas pessoas é Cristo, que incessantemente recebe pedidos e súplicas em favor destes
Que naturalmente conseguem fazer do nosso dia a dia
Momentos inesquecíveis!
Conseguem transformar com palavras, gestos e até olhares a mais profunda tristeza em alegria transbordante
A ponto de extrair do fundo da alma um sorriso!
E hoje, estou eu aqui, agradecendo a Deus, rogando e pedindo a Ele que continue dando a você a sabedoria e graça que você tem, que nunca tire de você esse sorriso carismático que encanta a todos, essa sinceridade incomparável
Enfim
Estou pedindo a Deus que conserve você em vida no mínimo enquanto eu viver!
Pois a vida sem um amigo como você seria muito mais que difícil
Quase impossível!
Então aqui estou eu
Dando a você meus parabéns, por ser exatamente aquilo que preciso, na hora exata que preciso
Deus te abençoe!
E continue cuidando de você como tem feito até aqui!
E espero algum dia poder retribuir tudo o que você tem transmitido a mim!
Felicidades!
E que tenhamos muitos e muitos anos de amizade pela frente para compartilhar!

Sentido único: em frente
Faço aniversário em agosto. Quando alguém, em julho, pergunta quantos anos eu tenho, já respondo com a idade nova. Não sei até quando terei essa coragem de me envelhecer antes da hora, mas, por enquanto, ainda arredondo pra cima. Com o ano novo, é a mesma coisa. Já estou em 2008 faz uns 20 dias. Coloquei o em total vigência, é um ano em curso, mergulhei de cabeça nele. 2007 já era, já deu o que tinha que dar. Aliás, foi bom pra você
Poucas pessoas viveram grandes feitos, grandes viagens ou grandes paixões. A maioria viveu o que podia ter vivido. Foi ao cinema e adorou (ou odiou) Tropa de Elite. Leu alguns livros. Curtiu alguns churrascos. Passou uns finais de semana fora da cidade. Reclamou da falta de dinheiro. Brigou com pais e irmãos. Fez as pazes com pais e irmãos. E depois brigou de novo.
Esperou em filas. Assistiu a pelo menos um show. Achou a Camila Pitanga linda em Paraíso Tropical. Reclamou muito do frio. Bebeu demais.
Pensou em casar. Pensou em descasar. Pensou em ter um cachorro.
"Ano da virada" é apenas força de expressão. A maioria de nós viveu um ano semelhante aos outros anos, salvo aqueles que foram colhidos por uma fatalidade já não é fatalidade suficiente estar vivo
Eu tive um ano muito bom e muito parecido com outros anos bons, inclusive nas partes ruins. Ainda assim, o melhor de chegar aqui, na saideira, é olhar para trás e concluir que o aconteceu de mais diferente foi eu mesma. Entrei de um jeito em 2007 e estou saindo outra, mesmo que eu pouco perceba essa alteração.
Recentemente ouvi alguém admitir que era uma pessoa melhor anos atrás. Duvido. Não se pode dizer isso pra valer. É muito desestimulante a gente acreditar que está involuindo. Quando olho para o meu passado, encontro uma mulher bem parecida comigo por acaso, eu mesma porém essa mulher sabia menos, conhecia menos lugares, menos emoções. Ora, por mais legal que a gente tenha sido, sempre fomos mais pobres em relação ao presente e não estou falando de dinheiro, mas de vivência. Involuir é muito trabalhoso, exige que rejeitemos todos os aprendizados: quem faria essa maldade consigo mesmo Evoluir é que está na ordem natural das coisas.
Portanto, tenho certeza de que em 2008 eu verei alguns filmes, assistirei pelo menos a um show, lerei alguns livros, sairei da cidade uns finais de semana, irei bater ótimos papos com os amigos, terei uns arranca rabos em família e depois voltarei às boas, perderei tempo em filas e reclamarei do frio.
E mesmo sendo mais um ano como tantos outros no caso de nenhuma fatalidade ocorrer , sairei de 2008 melhor do que estou entrando, simplesmente porque é impossível desprezar conhecimentos, conversas, sensações tudo o que parece repetitivo, mas que nos dá uma cancha necessária pra seguir adiante e viver melhor.
Então, feliz você novo, mesmo que pareça igualzinho.